Salvaguarde os seus dados.

A Google está empenhada em manter as informações armazenadas nos seus sistemas informáticos protegidas e seguras. Está implementada uma estratégia de segurança multicamada em toda a organização.

Os princípios de segurança e de privacidade do Google Analytics resumem as medidas tomadas pela Google para ajudar a manter os seus dados protegidos.

A nossa política de privacidade

Na Google, estamos perfeitamente conscientes da confiança que deposita em nós e da nossa responsabilidade em proteger a sua privacidade e os seus dados. No âmbito desta responsabilidade, informamo-lo sobre as informações recolhidas quando utiliza os nossos produtos e serviços, o motivo da recolha e como utilizamos essas informações para melhorar a sua experiência. Os princípios e a política de privacidade do Google descrevem como tratamos as suas informações pessoais quando utiliza os produtos e os serviços Google, incluindo o Google Analytics.

Cookies do Google Analytics

O Google Analytics utiliza principalmente cookies originais para gerar relatórios das interações dos visitantes no seu Website. Estes cookies são utilizados para armazenar informações sem identificação pessoal. Os navegadores não partilham cookies originais entre domínios.

Para os clientes que utilizam a funcionalidade Google Analytics para Anunciantes da Rede de Display, é utilizado um cookie DoubleClick de terceiros para ativar as funcionalidades, como o remarketing para produtos como o AdWords na Rede de Display da Google. Para mais informações acerca deste cookie, visite as FAQs de Privacidade de Publicidade do Google. Para gerir as definições para este cookie e optar por não utilizar esta funcionalidade, visite as Definições de Anúncios.

Os clientes que ativaram o método de recolha analytics.js através do Universal Analytics podem controlar se pretendem ou não definir um cookie. Se o cliente decidir definir um cookie, as informações armazenadas no cookie original local ficam reduzidas a um identificador aleatório (por exemplo, 12345.67890).

Utilização do endereço IP

Todos os computadores e dispositivos ligados à Internet têm um endereço IP (Protocolo de Internet). Os endereços IP são geralmente atribuídos em blocos com base no país e é possível utilizá-los, muitas vezes, para identificar o país, o estado e a cidade a partir dos quais um computador está ligado à Internet. Como os Websites têm de utilizar endereços IP para a Internet funcionar, os proprietários de Websites têm acesso aos endereços IP dos seus visitantes, independentemente de utilizarem ou não o Google Analytics. O Google Analytics utiliza endereços IP para fornecer e proteger a segurança do serviço e dar aos proprietários de Websites uma ideia do local de origem dos respetivos visitantes (também conhecida como "geolocalização de IP").

O Google Analytics não partilha as informações reais do endereço IP com os clientes do Google Analytics. Além disso, com um método conhecido por máscara de IP, os proprietários de Websites que utilizam o Google Analytics têm a opção de informar o Google Analytics para utilizar apenas uma parte do endereço IP, em vez de todo o endereço IP, para geolocalização.

Confidencialidade dos dados

O Google Analytics protege a confidencialidade dos seus dados de várias maneiras:

Controlos de privacidade

O Google disponibiliza os seguintes controlos aos proprietários de Websites que implementaram o Google Analytics e aos visitantes dos Websites para alargar o leque de opções quanto ao modo como pretendem que o Google Analytics recolha os seus dados.

Definições de partilha de dados

As definições de partilha de dados do Google Analytics permitem-lhe partilhar os dados da sua conta com outros produtos e serviços. A partilha de dados fornece comentários acerca do Google Analytics que podemos utilizar para criar funcionalidades e materiais informativos com maior qualidade para si. Existem vários tipos de partilha de dados que pode alterar a qualquer momento. Se não selecionar qualquer uma das opções, os dados da conta serão excluídos de quaisquer processos automatizados que não estejam especificamente relacionados com o funcionamento e a melhoria do Google Analytics ou a proteção da segurança e da integridade dos dados. Saiba mais acerca de como alterar as definições de partilha de dados na sua conta.

Controlo sobre os dados do administrador da conta

Os administradores de contas do Google Analytics são detentores dos seus próprios dados do Google Analytics.

Os utilizadores de contas podem exportar relatórios agregados a qualquer momento a partir do Google Analytics, através das opções de transferência para XML, PDF ou CSV, ou através da API de Relatórios Principais do Google Analytics. É possível utilizar os dados exportados independentemente sem o Google Analytics ou com outras aplicações/serviços em conjunto com o Google Analytics.

Os utilizadores de contas também podem eliminar um perfil na respetiva conta do Google Analytics a qualquer momento.

Controlos e procedimentos de acesso dos funcionários

A Google classifica os dados do Google Analytics como informações confidenciais. Os controlos de acesso dos funcionários protegem os dados dos clientes contra o acesso não autorizado e realizamos auditorias para garantir a aplicação desses mesmos controlos.

Segurança das informações

Na informática baseada na Web, a segurança dos dados e das aplicações é fundamental. A Google dedica uma quantidade considerável de recursos para proteger as aplicações e processar os dados para evitar o acesso não autorizado aos mesmos.

A Google armazena os dados num formato codificado otimizado para o desempenho, em vez de utilizar uma base de dados ou um sistema de ficheiros tradicional. Os dados são distribuídos por vários volumes físicos e lógicos para redundância e acesso conveniente, o que dificulta as tentativas de adulteração dos mesmos.

As aplicações Google são executadas num ambiente multi-inquilino e distribuído. Em vez de isolar os dados de cada cliente numa só máquina ou num conjunto de máquinas, os dados de todos os clientes da Google (consumidores, empresas e os próprios dados da Google) são distribuídos por uma infraestrutura partilhada composta por várias máquinas homogéneas da Google localizadas em centros de dados da Google.

Segurança operacional e recuperação após desastre

Para minimizar a interrupção do serviço devido a falhas de hardware, desastres naturais ou outras catástrofes, a Google tem em curso um programa de recuperação após desastre abrangente em todos os centros de dados. Este programa inclui vários componentes para eliminar um ponto único de falha, incluindo o seguinte: